O que é um bom isolamento?

11 dezembro 2021 Kingspan Isolamento
O que é um bom isolamento?

Um bom isolamento mede-se pela capacidade de restringir a transferência de calor.  E isso expressa-se por várias grandezas e diferentes “valores”.

Valor lambda(λ)

Lambda é a décima primeira letra do abcedário grego (λ). Contudo, não estamos aqui para falar de semântica.

Também conhecido como “condutibilidade térmica” e retratada com valor (λ), o valor de lambda de um material quantifica a quantidade de calor que o material pode conduzir. Mede-se em W/mk (Watts por metro Kelvin).

Um bom isolamento terá um valor de lambda o mais baixo possível para reduzir a perda de calor. Vale a pena frisar que os valor de lambda podem variar muito dependendo do tipo de isolamento, por isso deves assegurar-te e averiguar qual das opções de isolamento que exitem alcança um valor mais baixo.

Os valores de lambda são referentes ao material. Se queres ser específico e saber  como uma determinada espessura de isolamento afecta a transferência de calor necessitas de determinar o valor R

Valores R

Também conhecida como “resistência térmica”, os valores de R informam quão bem um isolamento térmico resiste à transferência de calor com uma espessura específica. Calcula-se dividindo a espessura do material (em metros) pelo seu valor de lambda e mede-se em m2.K/W (metro quadrado Kelvin por Whatt).

De modo que, quanto mais baixo o valor de lambda, menos espessura de isolamento é necessária para alcançar o mesmo valor de R.

A seguinte tabela mostra as espessuras de diferentes materiais de isolamento que são necessárias para atingir o mesmo valor de R de 2.857 m²·K/W:

 

Tipo de isolamento Espessura Valor Lambda (W/m·K)
OPTIM-R 20 mm 0,007
Kooltherm K100  55 mm 0,018
Kooltherm 60 mm 0,020
PIR 65 mm 0,022
Fibra Mineral 100 mm 0,034

Espessuras arredondadas aos 5mm mais próximos

Valores U

Sim, estes também podem ser conhecidos por um nome diferente – “coeficiente de transmissão térmica”.

O valor de U é o inverso do somatório de todos os valores de R, ou seja de todas as camadas que compõem um sistema construtivo completo (por exemplo, um tecto, uma fachada ou um pavimento), incluindo as contribuições de qualquer fixação ou espaço de ar.

Os valores de U medem-se em W/m2.K (Whats por metro quadrado Kelvin) e demonstram a capacidade de um elemento construtivo transmitir calor de um espaço quente para um espaço frio de um edifício. Quanto mais baixo é o valor de U melhor isolado está o elemento construtivo do edifício. Por isso um isolamento com baixo lambda que alcança um elevado valor de R, pode ajudar a alcançar esses valores de U necessários para cumprir as exigências legislativas e regulamentares da construção.

O conjunto de todos esses sistemas construtivos formam a envolvente (opaca)do edifício- a barreira entre o interior e o exterior. Para que o isolamento reduza as perdas de calor e ajude a alcançar esses baixos valores de U, a envolvente do edifício deve ter o menor número possível de pontes térmicas. Veremos este tema com mais detalhe em próximas publicações. Entretanto, lê a publicação anterior que explica como funciona o isolamento.